Guiné-Bissau

Curiosidades sobre o país

População: 1,7 milhões.
Moeda: franco CFA.
Principais cidades: Bissau (capital), Bafatá, Gabú, Bissorã, Bolama.
Principais destinos turísticos: Parque Natural dos Tarrafes, Arquipélago de Bijagós, Parque Marinho João Vieira, Catedral de Nossa Senhora da Graça.

– a pequena Guiné-Bissau é reconhecida pelos seus recursos naturais que incluem arquipélagos, parques nacionais e belas praias;

– a capital do país é conhecida pelas suas festas e fortes tradições culturais, em que o património histórico reflete bem a herança da colonização portuguesa;

– o país é o sexto produtor mundial de castanha de caju e exporta também peixe, mariscos, amendoim, semente de palma e madeira. As licenças de pesca são uma importante fonte de receitas;

– possui uma herança cultural bastante rica e diversificada que varia de etnia para etnia: diferenças linguísticas, danças, expressões artísticas, tradições musicais, manifestações culturais e até profissões;

– a música popular tradicional na região é o gumbé;

– o artesanato guineense em Bijagós é o expoente máximo da originalidade, sendo um dos atrativos turísticos da região. Metal, joias, cerâmicas e pesca artesanal são bastante singulares;

– o clima é tropical e só há duas estações no ano: a quente e a da época das chuvas;

– provérbio da Guiné: Un son mon ka ta toka palmu (uma mão sozinha não bate palmas);

– a gastronomia tradicional mistura as cozinhas portuguesa e africana. Entre os pratos mais típicos encontram-se a cachupa, carne de porco com milho e feijão e o arroz com peixe; os frutos do mar, o arroz e a pimenta são quase indispensáveis na culinária regional, sendo a carne de macaco consumida pelos guineenses.

No Results Found

The page you requested could not be found. Try refining your search, or use the navigation above to locate the post.

CONTACTO